quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Diário do Junior Beckmann (AGOSTO - 2014)

Não plante a semente se vai negar a colheita.

Alguns heróis estão cantando na minha cabeça. Outros martelando minhas idéias!
Uma parte de mim quer dizer a verdade, outra quer que eu me esconda.
Existe em mim uma verdade que passei meses guardando; meses intermináveis.
Segurei o post de hoje para não me ver liberto; ás vezes ficar preso é a única coisa que nos salva, mas, a prisão tem prazo de validade, assim como aquilo que tentamos desesperadamente esconder.
Eu até que tentei, mas chega!...

Preste atenção, esse é o oitavo
Diário do Junior Beckmann


Leia o Diário de JULHO clicando aqui!

AGOSTO :

- Muito trabalho, pouco apoio!
- Fiquei sem LUZ e sem ÁGUA
(Um dos maiores absurdos imobiliários já visto).
- Assisti a brilhante segunda temporada de The X Factor USA
- Fifth Harmony
(Paixão á primeira audição, minhas garotas!).
-  Ouvi os álbuns : Life in the Cartoon Motion (MIKA), Super Duper Hits (Joss Stone), 1000 Forms of Fear (Sia),
- Li A Vingança Veste Prada, Desejo, Pelas Portas do Coração, Mensagem aos Brothers,
- Império e suas loucuras!
- Felipe!...
- Gravei 11 Vidas (Pai)
(Assista clicando aqui!).
- Assisti Tatuagem, G.B.F., SOS Mulheres ao Mar, e Acústico MTV Sandy e Junior.
- Milhões de treinamentos
-  Fiquei sem internet
(Castigo pior não há).
- Esse Artista Sou Eu
(Um programa muito interessante, adorei o formato, vida longa!...)
- VMA 2014 
(Mais do mesmo, isso cansa!)
- Conheci boa parte da OTH Family e fui ao show das bandas Anberlin, Fresno e Esteban
(Minha gente, foi uma das experiências mais incríveis de toda a minha vida. Desde a galeria do Rock, passando pelas andanças e parando no Ibirapuera, eu amo especialmente cada um de vocês!...)
- Estive insuportável e vou mostrar a vocês).




AGOSTO 2014

Tropeço em minha vida
Sem sacrifícios.
Meu final feliz não veio vestido de prada!
Esqueça meus álibis
Minha culpa já venceu este jogo!
Meu desejo não é apenas emoção.
Conquistei diretos
Estando fora do ritmo.
Eu vi portas
Cuspindo em meus olhos,
E abrindo espaços em meu coração.
Me fiz em 5 harmonias,
Em uma tatuagem,
Em 1000 formas de sentir medo!
Perdi a conta
Das páginas que queimei.
Lágrimas caem;
Sono, fome e raiva!...
Estou longe do inferno,
Mas perto do acústico do desespero.
Pele sensível,
Coração de elástico.
Um artista. 
Artista eu!
Eis a mensagem :
"Me machuque o quanto quiser!..."
Existem galerias de bálsamo
Que fazem meu show sempre continuar.
Nem que para isso eu perca também meu ar!



AGOSTO foi um mês que me trouxe lições valiosas.
A batalha que travei comigo mesmo me mostrou o quão fútil eram as minhas escolhas.
E o quanto eu lutava por motivos errados.
Indo mais além, eu pude realmente ver o quanto eu me fazia de vitima.
É mais fácil ser o pobre coitado.

Não plante a semente se vai negar a colheita!

Eu plantei e quis negar a colheita.
Mas é impossível negar tal semeadura.
Ela pode estar em pausa, num hiato profundo, mas ela não está morta e mais cedo ou mais tarde vai aparecer.

Portando, olhe pra dentro do seu coração nesse momento e tente descobrir que tipo que semente está lançado na terra.
O plantar é opcional, mas o colher é consequência obrigatória e inevitável da vida.

Respire mais, agradeça mais, seja mais positivo e creia que a vida vai sorrir para você!
A verdade que eu escondi todo esse tempo é a que eu fui vaidoso, me fiz de vitima pra talvez barganhar com a vida. Negando minhas próprias colheitas.

Não cometa esse erro.
Não seja vitima, esqueça a vaidade e não encoste a vida na parede.
Porque se ela revidar certamente você não vai aguentar!

Plante, colha e aceite!

Hasta La Vista!
Junior Beckmann



Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...